Guia de Compras de Ferro de Passar Roupa

Os primeiros ferros surgiram séculos antes de Cristo, junto com o despontar dos primeiros tecidos e da necessidade de mantê-los passados. Antigamente, eles eram pesados, à base de ferro maciço forjado e esquentados em estufas a carvão, na lareira ou em chapas de fogão à lenha, o que dificultava em muito a sua utilização, requerendo um ótimo condicionamento físico do usuário. Desde então, começaram a surgir as mais variadas formas de se alisar e dar brilho as roupas como: ferro à carvão, ferros à cunha, ferros a base de combustível líquido ou gasoso até chegar ao atual modelo movido à eletricidade.

Indispensável a qualquer lar, o ferro de passar, em sua linha de evolução, passou a ser fabricado com materiais cada vez mais leves e duradouros como plástico, alumínio polido, aço inoxidável e teflon, além de tecnologias e acessórios mais modernos como: jatos de vapor, superfícies antiaderentes, regulagem de temperatura específica para cada tipo de roupa, até os mais avançados, equipados com sensores de movimento e base removível (sem fio). Todos estes avanços tecnológicos garantiram ao consumidor tudo o que ele precisa: melhor desempenho, segurança, garantia, assim como design e cores mais modernos e melhor custo benefício.

Portanto, confira abaixo dicas e sugestões de compras para Ferros de passar Roupas.

Quais tipos de ferro de passar existem no mercado?

Existem no mercado quatro tipos de ferro de passar:

  • Ferros a seco: São os ferros tradicionais, sem nenhum acessório adicional. Se encontram em desuso, sendo substituídos por modelos mais avançados.

  • Ferros a vapor: Indicados para uso doméstico, utilizam o vapor para facilitar a eliminação vincos e rugas nas roupas.

  • Ferros geradores de vapor: São de uso profissional, utilizados em lavanderias.

  • Ferros compactos: Pequenos, portáteis e leves, são destinados para aqueles que costumam viajar muito e necessitam de espaço.

Quais são os materiais mais utilizados na fabricação do ferro de passar?

Os mais comuns são os ferros com corpo feito a partir de plástico. Já a base do ferro é mais variada, os mais comuns são feitos a base de alumínio, antiaderente, aço inoxidável, teflon e alumínio polido. A grande novidade dos mais novos são as pastilhas anti-calcário, que não permitem a formação de depósitos de impurezas no interior do aparelho, aumentando em 70% a sua vida útil.

A quais itens devo estar atento na hora da compra do produto?

Primeiramente, é de suma importância na hora da compra, dar preferência para os ferros de passar que possuam o selo de qualidade do INMETRO, o que garante que ele foi testado pelos mais rigorosos testes de controle de qualidade. Em segundo, dê preferência aos ferros de passar a vapor, que facilitam na hora de passar a roupa. É importante também escolher o tipo de base, como as citadas na pergunta anterior. Quanto mais novo o modelo, maior é a tendência de gastar menos energia, devido a novos sistemas que são empregados como liberadores de vapor mais eficientes, com regulagem de temperatura mais apurada, etc. Outros itens importantes na hora da compra são: peso, potência e comprimento do fio que facilitam em muito a vida do usuário.

Como economizar energia com o ferro elétrico?

O ferro de passar, por causa de sua resistência que gera muito calor, costuma ser um dos principais equipamentos utilitários da casa que gastam energia. Para prevenir e economizar um pouco no fim do mês é importante seguir algumas regrinhas:

  • Acumule o máximo de roupas para serem passadas de uma vez.
  • Primeiro passe as roupas mais finas e delicadas, já que necessitam de menos calor.
  • Evite desligar e ligar o ferro a todo momento.

Como obter o máximo proveito do ferro na hora de passar as roupas?

Para obter um melhor desempenho para passar suas roupas é importante ficar atento a alguns detalhes:

  • Sempre que puder use o vapor para passar as roupas mais amassadas.
  • Nos ferros a vapor, leia as instruções. Alguns modelos necessitam de água destilada.
  • Se precisar interromper o serviço, desligue o ferro da tomada.
  • Não seque demais a roupa, pois a umidade facilita o trabalho de passar.
  • Nunca deixe o ferro ligado sem nenhuma supervisão.
  • No caso de ferros de passar com reservatório de água fixo, tome a precaução de desligar o fio antes de enchê-lo e não se esqueça de esvaziar o reservatório após utilizá-lo.

Como devo limpar o ferro de passar roupa?

Para efetuar a limpeza, espere o ferro esfriar completamente. Depois, limpe sua base e superfície com um pano umedecido em água e detergente neutro. Seque-o bem com um pano macio. Nunca utilize produtos abrasivos que possam danificar a base do ferro como: palha de aço, esponjas, dentre outros.

Se o ferro apresentar manchas após passar roupas sintéticas deve-se passar parafina (vela comum), na base do ferro ainda quente. Em seguida passe o ferro em uma superfície de algodão, exercendo uma pequena pressão para limpá-lo.

O que é um ferro para viagem?

Os ferros para viagem são mais leves, para serem acomodados de maneira fácil nas malas e bolsas de viagem. Alguns modelos chegam a apresentar dupla voltagem, para o caso de você viajar para um lugar no qual desconhece a tensão elétrica. Na hora de comprar um ferro desse tipo observe a sua potência e verifique se ele tem garantia.

 

Quais são as principais marcas de ferro de passar roupa e suas principais características?

Abaixo, descreveremos as principais marcas de ferros de passar, bem como as suas características mais diferenciadas:

  • Black & Decker: Os ferros desta marca possuem bases nas opções anti-aderente, alumínio (polido ou anti-aderente) ou cerâmica. Geralmente, são ferros com apenas uma potência (não são bivolt), com exceção dos ferros para viagem da marca. Além disso, a Black & Decker possui ferros a vapor e a seco. Os preços variam de R$35 a R$100,00.
  • Arno: Os ferros desta marca apresentam bases nas opções anti-aderente, alumínio e durilium. Geralmente, são ferros com apenas uma potência (não são bivolt). Além disso, a Arno possui ferros a vapor e a seco. Os preços variam de R$38 a R$150,00.
  • Mondial: Os ferros desta marca apresentam bases nas opções alumínio anti-aderente, anti-aderente, alumínio polido e inoxidável. Geralmente, são ferros com apenas uma potência (não são bivolt), com exceção dos ferros para viagem. Além disso, a Mondial possui ferros a vapor, a seco e os vaporizadores de roupas . Os preços variam de R$30 a R$65,00.
  • Philips/Walita: Os ferros desta marca apresentam bases nas opções anti-aderente, SteamGlide e alumínio. Geralmente, são ferros com apenas uma potência (não são bivolt). Além disso, a Walita possui ferros a vapor e a seco. Os preços variam de R$38 a R$240,00.
  • Britânia: Os ferros desta marca apresentam bases nas opções anti-aderente, alumínio, aço inox e Enameled. Geralmente, são ferros com apenas uma potência (não são bivolt), com exceção dos modelos para viagem. Além disso, a Britânia possui ferros a vapor e a seco. Os preços variam de R$33 a R$80,00.
  • Cadence: Os ferros desta marca apresentam bases nas opções anti-aderente e cerâmica. Geralmente, são ferros com apenas uma potência (não são bivolt). Além disso, a Cadence possui ferros a vapor e a seco. Os preços variam de R$30 a R$70,00.
  • Electrolux: Os ferros desta marca apresentam bases nas opções anti-aderente, alumínio anti-aderente e aço-inox. Geralmente, são ferros com apenas uma potência (não são bivolt). Além disso, a Electrolux possui ferros a vapor e a seco. Os preços variam de R$45 a R$95,00.

Deixe um comentário